sábado, 20 de maio de 2017

Temer diz que gravação é 'fraudulenta' e que Joesley cometeu 'crime perfeito'

Pedro Ladeira/Folhapress
Presidente Michel Temer diz que não irá renunciar à Presidência durante pronunciamento no Palácio do Planalto, em Brasília
O presidente Michel Temer durante o primeiro pronunciamento, na quinta, após a delação da JBS

Nenhum comentário:

Postar um comentário