segunda-feira, 29 de maio de 2017

Ex-tesoureiro do covil do PT, João Vaccari, preso, é réu em mais um processo

Gabriel Mascarenhas - Veja

Primeira denúncia da Procuradoria da República do Distrito Federal com base na Operação Greenfield


João Vaccari Neto teve sigilo bancário quebrado a pedido do MP
Mais uma ação judicial para a lista do ex-tesoureiro do PT (Lula Marques/Folhapress/VEJA)

A Justiça Federal em Brasília acolheu denúncia do Ministério Público contra João Vaccari Neto, ex-diretores da Funcef e empresários ligados à Engevix.
Os procuradores identificaram um rosário de traficâncias envolvendo o Fundo de Investimento em Participações Cevix. Trata-se da primeira denúncia originária da Operação Greenfield.
Entre as acusações há gestão fraudulenta e temerária, tráfico de influência, lavagem de dinheiro e crimes contra o sistema financeiro que geraram um prejuízo de 402 milhões de reais ao fundo de pensão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário