terça-feira, 21 de maio de 2019

"A MP comparável ao Plano Real em importância", por Alexandre Garcia

"O presidente Jair Bolsonaro foi homenageado na Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan) com um título e fez uma declaração curtinha que me remete a uma Medida Provisória (MP). Ele disse que os empresários são heróis e que ele se compromete em não atrapalhá-los. Pois saiu uma MP no dia 30 de abril exatamente para ‘desatrapalhar’ o empresário, uma beleza, uma revolução: a MP da Liberdade Econômica.

Parece que muita gente não quis dar divulgação porque isso ia promover o governo. Ficou meio no limbo. Inclusive eu notei depois que ninguém tinha falado. Saiu a MP, eu falei nela comparando-a com o Plano Real em importância para a economia. Depois um ou outro jornal comentou. Parece que o pauteiro disse: “Poxa, como é que a gente não cobriu isso?”. Daí deram uma certa atenção, mas está escondido isso.

A MP tira a burocracia, as exigências e facilita principalmente a vida do pequeno empresário. Só para lembrar: ela está já há quase um mês em vigor e ainda vai ter que ser submetida ao Congresso Nacional, onde está o Centrão.

Centrão que é composto pelo Partido Progressista (PP), Partido Liberal (PL), Solidariedade e o Democratas (DEM). Aliás, o DEM está com o Centrão, mas tem gente lá que ajuda mais o governo do que os próprios governistas. Eu estou pensando no deputado por São Paulo, Kim Kataguiri, que é jovem – muito jovem – e tem uma verve, uma eloquência e uma inteligência superiores, com alta racionalidade.

E a MP a favor da aviação e do consumidor

Queria falar de um tuíte do ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas. Ele é um ministro brilhante e está sendo elogiado pelo presidente. No tuíte, ele lembra que a primeira companhia aérea estrangeira a se enquadrar na MP do presidente Temer, que vence nesta terça-feira (21), é uma subsidiária da Air Europa.

Essa MP permite que empresas estrangeiras entrem na concorrência no espaço aéreo brasileiro para transporte. Com isso, a tarifa fica mais barata, e esse é o perigo de não haver um entendimento e a MP não passar.

Com isso, a Air Europa vai contratar a tripulação brasileira, consumir combustível brasileiro, fazer revisão brasileira e, ao mesmo tempo, vão trazer a tecnologia e o know-how da Europa para dar uma sacudida na concorrência.

E a Câmara precisa votar também outra MP importante: sobre a reforma administrativa, que vence em duas semanas. É bom lembrar disso.

Propaganda desnecessária

Eu vi também um tuíte do presidente Bolsonaro lembrando que ele recomendou à Petrobras que cancelasse um contrato de publicidade de R$ 782 milhões por cinco anos.

Será que a Petrobras que tem o virtual monopólio precisa de propaganda? Aliás, a gente está vendo muita gente que não precisa de propaganda no mundo estatal fazendo propaganda. Gastando um dinheirão com isso.

Confronto de egos

Eu queria registrar uma manifestação da líder do governo no Congresso, a deputada Joice Hasselmann (PSL-SP), se queixando dos seus próprios companheiros aliados. Ela disse que tem uma ou outra figura no meio do caminho com o clima beligerante. Esse é um problema sério que o governo vem enfrentando.

O confronto de egos, de vaidades e de fanfarronices que estão atrapalhando. A oposição provavelmente está aplaudindo isso que está vendo no governo. Eu estou vendo que dentro do governo existe mais oposição do que a própria oposição".


Gazeta do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário