sexta-feira, 28 de julho de 2017

Moro diz que viagem de Bendine à Europa não foi o único motivo de prisão

Marcelo Rocha - Epoca

A afirmação foi dada em resposta a pedido de liberdade protocolado pelo advogado do ex-presidente da Petrobras


O juiz ,Sergio Moro (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)


O advogado Pierpaolo Bottini pediu nesta quinta-feira (27) que o juiz Sergio Moro reconsidere a decisão de mandar prender o ex-presidente da Petrobras Aldemir Bendine, conhecido como Dida. 

Para sustentar o pedido, Bottini juntou cópia de documento relativo à compra de passagem aérea para volta ao Brasil – Bendine tem passaporte italiano e embarcaria nesta sexta-feira (28) para Portugal. 

Em resposta, Moro afirmou que vai analisar o pedido de Bottini, mas frisou que "a aquisição de passagem para viagem ao exterior foi um, mas não o único ou o mais importante, elemento que levou à decretação da prisão temporária".

Nenhum comentário:

Postar um comentário