quarta-feira, 5 de julho de 2017

Câmara bancou jatinho para Zarattini, Paulo Pimenta e Marco Maia do covil do PT assistirem discurso de Lula, chefe da organização criminosa

PASSAGEIROS: Deputados petistas com Lula e Dilma no Sul (Reprodução/Facebook)
Sílvio Navarro - Veja
A Câmara dos Deputados desembolsou 6.000 reais para os deputados do PT Carlos Zarattini (SP), Paulo Pimenta (RS) e Marco Maia (RS) fretarem um jatinho para acompanhar o ato político capitaneado pelos ex-presidentes Lula e Dilma Rousseff no dia 29 de abril, na cidade gaúcha de Rio Grande, a 315 km de Porto Alegre. O evento reuniu mais de 10.000 pessoas, que empunharam bandeiras do PT, da CUT e cartazes contra o juiz Sérgio Moro, responsável pela Operação Lava Jato. O ato foi batizado “em defesa do polo naval do Rio Grande”, mas na prática funcionou como um grande palanque para Lula se apresentar como candidato à Presidência no próximo ano e atacar a Rede Globo.
O trio petista alugou um King Air C90 (prefixo PT-WNF), da empresa UniAir Táxi Aéreo, e decolou do Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre, até Rio Grande. Zarattini e Pimenta fizeram questão de registrar suas presenças nas redes sociais. A nota fiscal para o pagamento foi emitida no dia 8 de maio e enviada para ser cobrada no gabinete da liderança do PT na Câmara, cujo líder da bancada é justamente o passageiro Zarattini. A conta foi paga no dia 23 de maio.
Uniair
O Regimento da Câmara estabelece que a a “Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar – CEAP (antiga verba indenizatória) é uma cota única mensal destinada a custear os gastos dos deputados exclusivamente vinculados ao exercício da atividade parlamentar”. A assessoria da liderança do PT afirmou que “as despesas foram feitas de acordo com as previsões legais”.
Como o ato foi intitulado “em defesa do polo naval de Rio Grande”, de fato os deputados do PT podem argumentar que jamais imaginariam que Lula fosse discursar em tom político-eleitoral — afinal, ele nunca faz isso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário