sexta-feira, 26 de maio de 2017

Netflix indica operadoras mais rápidas para assistir a vídeos

Veja

No ranking geral, o Brasil aparece entre os 15 países com pior velocidade para acessar ao conteúdo da Netflix



Ranking mensal indica melhores operadoras para assistir a conteúdos da Netflix no Brasil (Divulgação/Divulgação)
Netflix divulgou ranking mensal que calcula a velocidade de operadores de internet banda larga ao transmitir o conteúdo da plataforma de vídeos. A lista elaborada em 48 países, inclusive no Brasil, foi divulgada na primeira quinzena de maio, com dados do mês de abril.
No Brasil, a Live TIM, que oferece serviços de fibra ótica, mantém a liderança desde agosto de 2016 em velocidade de conexão com a Netflix, são 3,22 megabits por segundo (Mbps). No mês anterior, março, a velocidade de internet foi um pouco superior, de 3,25 Mbps.
Ocupando a segundo posição está a Net Virtua, que esteve no topo apenas entre junho e julho de 2016. O serviço de rede cabeada da empresa registra 3,10 Mbps, número menor do que em março, que chegou a 3,14 Mpbs.
A Vivo Fibra, que como diz o nome oferece serviços de fibra ótica, permanece na terceira colocação entre seis empresas. A velocidade da operadora para o mês de abril chega a 2,97 Mpbs, ante 3,00 de março.
A Algar fica na quarta posição do ranking da Netflix com 2,44 Mpbs. É a única operadora que registrou aumento na velocidade em comparação com o mês de março (2,42 megabits). A empresa oferece fibra ótica, rede cabeada e DSL.
Na quinta colocação está a Oi, que disponibiliza serviços de fibra ótica e DSL. A operadora permaneceu estável entre março e abril, registrando a mesma média de velocidade, 2,11 Mpbs.
Na última posição está a Vivo Internet, com 2,09 Mpbs. Em março, a operadora teve 2,11 megabits de internet. São oferecidos ao público serviços de rede cabeada e DSL.

Ranking mundial

Entre os 48 países avaliados pelo ranking da Netflix, o Brasil fechou o mês de abril com média de 2,72 Mpbs, na 36ª colocação. Nas nove primeiras posições, estão países da Europa – Suíça, Bélgica, Holanda, Luxemburgo, Áustria, Noruega, Suécia, Dinamarca e Alemanha. Na décima colocação está Singapura, da Ásia.
Outros quatro países sul-americanos estão posicionados à frente do Brasil: Chile (25ª), Uruguai (33ª), Colômbia (34ª) e Argentina (35ª).
Atrás do Brasil, estão mais quatro nações da América do Sul: Peru (37ª), Paraguai (38ª), Equador (39ª) e Venezuela (48ª).

Nenhum comentário:

Postar um comentário