sexta-feira, 14 de abril de 2017

Humberto Costa, o "Drácula" petista

Com O Antagonista


O senador petista Humberto Costa foi delatado por cinco executivos da Odebrecht.
O atual líder da minoria, contaram eles, recebeu cerca de 600 mil reais para favorecer a empresa em licitação na Petrobras.
Márcio Faria da Silva explicou à PGR que o codinome de Costa era "Drácula", em razão da Máfia dos Sanguessugas - na época do escândalo envolvendo desvios em compras de ambulâncias, o petista era ministro da Saúde.

Nenhum comentário:

Postar um comentário