quinta-feira, 20 de abril de 2017

"Perseguição política"

Com O Antagonista



Lula sabe que, hoje à tarde, Léo Pinheiro vai acusá-lo de receber propina.
Sua defesa já está pronta.
Leia o que seus advogados publicaram em seu site:
“É neste contexto que o empresário vai falar a Sergio Moro na próxima quinta. Preso, dentro de um processo em que também é réu e, segundo seus advogados, negociando uma delação para sair da cadeia, que caberá a Sergio Moro decidir se ele será ou não merecedor”.
E também:
“Delações premiadas não têm valor de prova, conforme já decidiu o Supremo Tribunal Federal (INQ. 4130). Narrativas de ficção construídas por agentes da lei e impostas a pessoas em situação de vulnerabilidade, muito menos. O sistema penal brasileiro se tornou um instrumento de perseguição política e de destruição de reputações nas mãos de alguns agentes do Estado”.


Nenhum comentário:

Postar um comentário