terça-feira, 1 de agosto de 2017

Lula, o corrupto, não pagou pelas reformas no sítio de Atibaia

Com O Antagonista

No despacho em que torna Lula réu pela terceira vez em Curitiba, Sérgio Moro -- após destrinchar os relatos do MPF -- destaca que as reformas no sítio de Atibaia começaram quando o petista ainda ocupava a Presidência da República.
O juiz reforça que com base em depoimentos de Léo Pinheiro, os custos das obras foram abatidos da conta de propinas da OAS criada após contratos com a Petrobras celebrados na era Lula.
E não, Lula não tirou um real do bolso para dar uma melhorada no sítio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário