terça-feira, 23 de maio de 2017

Renan defende Nelson Jobim ou Joaquim Barbosa no lugar de Temer. Isso só pode ser acerto concebido no covil do Lula

Isabela Bonfim, O Estado de S.Paulo


O líder do PMDB no Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), passou a defender abertamente a substituição de Michel Temer na Presidência da República. A favor de eleições indiretas, realizadas pelo Congresso, o senador defendeu os nomes dos ex-ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) Nelson Jobim e Joaquim Barbosa para presidente. 

Senador Renan Calheiros (PMDB-AL)
Senador Renan Calheiros (PMDB-AL), líder do partido no Senado Foto: André Dusek/Estadão
"Nelson Jobim e Joaquim Barbosa são grandes nomes. É claro que a atual presidente do STF, os presidentes da Câmara e do Senado e o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) seriam candidatos naturais. Mas Jobim e Barbosa são ótimos nomes", defendeu. 

O senador sugeriu ainda que, pela representatividade de seu Estado, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, concorresse às eleições. "Dessa forma, um governador do Nordeste também deveria participar. Nesse caso, eles decidiriam entre eles o melhor nome", sugeriu. 
Questionado se o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso seria um bom nome, Renan negou. "Não acho que FHC seja bom, porque ele estreita a concepção da aliança e, quando no governo, cometeu muitos equívocos e saiu desgastado", disse. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário