sexta-feira, 14 de abril de 2017

Pimentel não acredita que a Operação Acrônino vá longe

Com O Antagonista

João Nogueira, em sua delação, relatou um almoço que teve com Fernando Pimentel para, entre outros assuntos, demonstrar preocupação com a Operação Acrônimo.
Naquela ocasião, Bené já tinha sido preso. E Bené era o responsável por receber os repasses da Odebrecht a Pimentel, segundo o delator.
Para tranquilizar Nogueira e o grupo Odebrecht, o petista disse o seguinte:
"Não, João, eu acho que isso não vai longe. Foi uma denúncia seguramente motivada por pessoas ligadas ao grupo político do Aécio (Neves). Estamos acompanhando de perto e isso não deve ir longe."
Assista (início do vídeo):


Nenhum comentário:

Postar um comentário