terça-feira, 18 de abril de 2017

Após ações militares, aprovação de Trump vai a 50%

O Estado de S. Paulo

O instituto, que divulga relatórios diariamente sobre a percepção popular em relação a Trump, disse que este é o nível mais alto registrado desde que Trump tomou posse, em 20 de janeiro, quando tinha 59% de apoio



WASHINGTON - As demonstrações de força militar dos Estados Unidos elevaram a popularidade do presidente Donald Trump. De acordo com a última sondagem divulgada pelo instituto Rasmussen, a aprovação ao magnata republicano chegou a 50% nesta segunda-feira, 17.       

Foto: David Moir/Reuters
Donald Trump jogando golfe
Antes de ser presidente, Trump criticou Obama por jogar golfe ao invés de resolver problemas importantes do país (Foto de arquivo)
O instutito, que divulga relatórios diariamente sobre a percepção popular em relação a Trump, disse que este é o nível mais alto registrado desde que Trump tomou posse, em 20 de janeiro, quando tinha 59% de apoio. 
Logo em seguida, a aprovação caiu ao mínimo de 38% e ficou no patamar de 40% a 42%, o que deu ao republicano o título de presidente dos EUA pior avaliado nos três primeiros meses de governo. 
O primeiro aumento significativo no índice veio justamente após ações militares dos EUA no exterior. 

Conheça Mar-a-Lago, a 'Casa Branca de inverno' de Trump


5

No dia 6, os Estados Unidos bombardearam alvos do governo sírio de Bashar Assad. Já na semana passada, Trump ordenou o uso da chamada "mãe de todas as bombas", considerada o maior explosivo não-nuclear, contra túneis que seriam usados por terroristas do Estado Islâmico (EI) no Afeganistão. 

Durante o último fim de semana, a tensão entre EUA e a Coreia do Norte aumentou, com ameaças de uma guerra nuclear. / Ansa 

Nenhum comentário:

Postar um comentário